No fim da reunião de hoje, dia 29 de Julho, entre a FENPROF e o Ministério da Educação e Ciência, o Sindicato dos Professores da Região Açores, na pessoa do seu Presidente, António Lucas, mais uma vez, alertou o Senhor Secretário de Estado para a situação em que se encontram os docentes dos quadros das regiões autónomas que se candidataram a DCE, depois de, incompreensivelmente, verem as suas candidaturas indeferidas, e questionou-o sobre o resultado da reapreciação dos processos que prometera na reunião do passado dia 18 do corrente mês, conforme, então, divulgado. O Senhor Secretário de Estado remeteu as explicações para a jurista Dr.ª Susana Castanheira Lopes, que explicou que o procedimento administrativo a adoptar, neste momento, na sequência do indeferimento proferido, seria o de enviar um requerimento, nos termos do art.º 68.º do ECD (mobilidade docente/destacamento), dirigido ao Senhor Director Geral da DGRHE.

O referido requerimento está disponível para os nossos associados. Contacte-nos!